O QUE É A EQUOTERAPIA: benefícios, indicações e contraindicações.

O QUE É A EQUOTERAPIA: benefícios, indicações e contraindicações.

Segundo a ANDE-Brasil, que é a Associação Nacional de Equoterapia, a Equoterapia é um método terapêutico que utiliza o cavalo dentro de uma abordagem interdisciplinar nas áreas de saúde, educação e equitação, buscando o desenvolvimento biopsicossocial de pessoas com deficiência e/ou que necessitem da terapia.

Dentro da Equoterapia temos 4 modalidades distintas, o que significa que dentro do tratamento o praticante tem a possibilidade de evoluir conforme atinge os objetivos traçados pela equipe. Essas modalidades são: Hipoterapia, Educação/Reeducação, Pré-esportivo e os Esportes Paraequestres. Fiquem atentos que teremos um post exclusivo sobre as modalidades.

No Instituto Andaluz temos um local totalmente adaptado para os atendimentos, devido a isso somos um Centro Filiado com a Ande Brasil. Contamos com banheiros adaptados, cozinha, sala de avaliação, sala de reunião, brinquedoteca, sala de espera, recepção, sala para guardar os itens dos cavalos, cocheiras, rampa de acesso para montar, local para dar banho nos cavalos e um picadeiro coberto onde os atendimentos acontecem.

O atendimento de Equoterapia tem duração de 30 minutos e neste tempo realizamos aproximação com o animal e a equipe, encilhamento quando está dentro do planejamento para aquele praticante, montaria e despedida.

Durante a montaria o cavalo proporciona movimentos rítmicos, cadenciados e sincronizados, devido ao seu movimento tridimensional, que se assemelha a marcha humana. E é comprovado cientificamente que em um atendimento de 30 minutos o praticante realiza em torno de 1.800 2.300 ajustes tônicos.
No próximo post falaremos sobre a escolha do cavalo para a Equoterapia.

BENEFÍCIOS

  • Melhorar postura e equilíbrio;
  • Ganhar força e alongamento muscular;
  • Adequar tônus e promover relaxamento;
  • Desenvolver a coordenação motora grossa e fina;
  • Estimular a propriocepção;
  • Aumentar a autoestima, autoconfiança, independência e funcionalidade;
  • Desenvolver a parte afetiva com o outro e o animal;
  • Melhorar a sensibilidade tátil, visual e auditiva;
  • Reconhecimento de si, do outro e das emoções;
  • Entre outros inúmeros benefícios.

INDICAÇÕES

  • Pessoas com doenças genéticas, neurológicas, ortopédicas, musculares e clínico metabólicas;
  • Crianças, jovens e adultos com sequelas de traumas e cirurgias;
  • Pessoas com transtornos mentais, distúrbios psicológicos e comportamentais;
  • Pessoas que apresentem distúrbios de aprendizagem e linguagem.

Precauções e Contraindicações

  • Instabilidade atlanto-axial;
  • Luxação e subluxação articular;
  • Traqueostomia com dependência de oxigênio ou desconforto respiratório;
  • Asma e alergia que levem a broncoespasmo;
  • Sonda nasogástrica, gastrostomia e colostomia (observar o tipo de sonda);
  • Epilepsia que apresente convulsões sem controle;
  • Doenças degenerativas;
  • Escoliose acima de 40 graus;
  • Hérnia de disco, fixação de coluna e espondilolistese (caso apresente sinais neurológicos e dor);
  • Psicose ou esquizofrenia (sem uso de medicamentos e que apresentem muita agressividade).

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.